História de Satanás

História de Satanás

 - História de Orgulho
Você está aqui: Deus >> História de Satanás

História de Satanás – De onde ele veio?
A história de Satanás é descrita na Bíblia em Isaías 14:12-15 e Ezequiel 28:12-19. Estas duas passagens bíblicas também se referem ao rei de Babilônia, o rei de Tiro, e ao poder espiritual por trás dos reis.

O que fez com que Satanás fosse expulso do céu? Ele pecou por causa do orgulho originado de seu desejo de ser Deus ao invés de um servo de Deus. Satanás era o mais elevado de todos os anjos, mas não era feliz. Ele desejava ser Deus e governar o universo. Deus expulsou Satanás do céu como um anjo caído.

História de Satanás - Quem é ele?
Satanás é muitas vezes caricaturado como um vilão de chifres vermelhos e com um tridente, por isso não é de admirar o fato de que as pessoas questionam a sua historicidade. Sua existência, entretanto, não é baseada em fantasia, mas verificada no mesmo livro que narra a vida e morte de Jesus (Gênesis 3:1-16, Isaías 14:12-15; Ezequiel 28:12-19, Mateus 4:1-11).

Os cristãos acreditam que Satanás atue como o líder dos anjos caídos. Esses demônios existem no reino espiritual invisível, mas afetam o nosso mundo físico. Eles se rebelaram contra Deus, mas em última análise estão sob o Seu controle. Satanás se disfarça como um "anjo de luz", enganando os humanos assim como enganou a Eva no princípio (Gênesis 3).

O próprio Jesus testificou da existência de Satanás. Durante o Seu ministério, Ele pessoalmente foi tentado pelo Diabo (Mateus 4:1-11), expulsou demônios possuindo pessoas (Lucas 8:27-33) e derrotou o maligno e sua legião de anjos demoníacos na cruz. Cristo também nos ajudou a entender a constante guerra espiritual entre Deus e Satanás, o bem e o mal (Isaías 14:12-15, Lucas 10:17-20).

With Jesus Christ on our side, we need not fear Satan’s limited power (Hebrews 2:14-15). We ought to be wise, however, in resisting his tactics:

Com Jesus Cristo ao nosso lado, não precisamos temer o poder limitado de Satanás (Hebreus 2:14-15). No entanto, devemos ser sábios em resistir as suas táticas:

    “Pois, embora vivamos como homens, não lutamos segundo os padrões humanos. As armas com as quais lutamos não são humanas; pelo contrário, são poderosas em Deus para destruir fortalezas. Destruímos argumentos e toda pretensão que se levanta contra o conhecimento de Deus, e levamos cativo todo pensamento, para torná-lo obediente a Cristo” (2 Coríntios 10:3-5).

História de Satanás - Qual é o seu lugar agora?
Ao longo da história de Satanás, o mal tem sido a sua identidade porque ele é diretamente oposto ao caráter de Deus. O padrão santo de Deus encontrado na Bíblia expõe o mal. Se não confiarmos em sua verdade, podemos facilmente errar:

  • Um erro é negar a existência de Satanás.
  • Um outro erro é temorosamente focalizar-se em Satanás e não em Cristo Jesus, o qual o derrotou.
  • Outros abertamente adoram a Satanás, preferindo as trevas do mal em vez da luz que revela o pecado (João 3:19, 2 Coríntios 11:14-15).
Qualquer uma destas abordagens agradam ao Diabo, pois ele quer que neguemos, temamos, obedeçamos ou adoremos a ele. A menos que sigamos a fonte confiável, a Bíblia, ele vai nos enganar (Efésios 6:10-11).

História de Satanás - A sedução de Satanás versus a realidade
Em nossa era científica e racional, crenças espirituais são desprezadas como mito. Satanás, no entanto, não se importa com aqueles que não aceitam a realidade dos anjos caídos ou demônios. Ao mascarar-se, ele pode tentar e enganar as pessoas sem culpa. O sábio nunca se esquecerá de que Satanás e seus demônios, determinados a enganar os seres humanos, estão lutando verdadeiras batalhas e guerras contra os anjos celestiais.

Satanás obriga ou incita a sua presa a segui-lo, quer esta se dê conta disto ou não. Talvez sejam apenas ignorantes e confusos. Muitos preferem acreditar na teoria humana a obedecer revelação divina e a lei natural. Eles se juntaram a Satanás em um destino condenado, quer estejam cegos, atados ou descaradamente dispostos. Condenam-se à eternidade no inferno.

Embora Satanás seja mais poderoso do que nós, seres humanos, Deus não nos deixa indefesos (Efésios 6:10-11). Ao serem repreendidos pelo Senhor, Satanás e seus demônios tremem e fogem (Tiago 2:19; Judas 1:9). Quando Jesus Cristo morreu, Ele os venceu (Colossenses 2:15). Apenas na autoridade de Jesus alguém tem o poder para enfrentar o Diabo. Os salvos do pecado pela morte de Jesus na cruz são protegidos, mas aqueles que não são salvos do poder de Satanás perecem com ele (João 3:16, 1 Pedro 5:8-10).

Com quem você passará a eternidade? Você já aceitou o fato de que é um pecador e de que Jesus morreu na cruz e ressuscitou?

Aprenda mais sobre a eternidade com Deus!


Gostou dessa informação? Ajude-nos ao compartilhar esse artigo com outras pessoas usando os botões dos sites sociais abaixo. O que é isso?




Siga-nos:




English  
Social Media
Siga-nos:

Compartilhar:


Discipulado

Combatendo Tentações
História de Lúcifer
O Inferno Existe
Halloween Cristão
História de Satanás
Origens do Halloween
O Diabo é real?
Conteúdo adicional ...

Adoração
Comunhão
Ministério
Evangelismo
 
 
Deus existe cientificamente?
Deus existe filosoficamente?
A Bíblia é a verdade?
Quem é Deus?
Jesus é Deus?
Por que a fé cristã?
Cresça com Deus
Assuntos populares
Desafios da vida
Recuperação
 
Pesquisar
 
Add História de Satanás to My Google!
Add História de Satanás to My Yahoo!
XML Feed: História de Satanás
Deus Página principal | Sobre nós | Perguntas Frequentes | Mapa do Site
Copyright © 2002 - 2014 AllAboutGOD.com, Todos os direitos reservados.